Os Cliches do RPG

Seja bom ou ruim, ótimo ou horrível, todo RPG passa por pelo menos algunsclichês. Quanto mais antigo, melhor! Segue a lista com os principais (mas certamente não todos) clichês da história dos RPGs!

HERÓI

  • Sempre é um bonitão com espada ou cajado mágico.
  • Se tiver parente vivo, é a mãe, pois o pai morreu numa batalha, foi assassinado (o que gera vingança), fugiu com outra, herói foi adotado, etc.
  • Não importa como sejam os pais, loiros, morenos… O herói sempre é um punkde cabelo verde, azul, etc.
  • Nunca se pode jogar com um vilão, que tem 100 vezes mais energia que você.
  • Princesas sempre usam vestidos rosa e magias de cura.
  • SEMPRE tem um velho barbudo muito bom em magia chamado MERLIN ou coisa parecida.
  • Todos os soldados, até os mais fortes, são um lixo em relação ao personagem e exércitos são facilmente derrotados.
  • Ninguém troca de roupa, JAMAIS. BANHO então nem pensar.
  • Uma noite de sono ou um gole de água cura todos os ferimentos.

OS MONSTROS

  • Por alguma razão misteriosa monstros carregam dinheiro.
  • Decompõem-se muito rápido, pois somem depois de mortos.
  • Se algum come você, ele te cospe um pouco mais fraco, mas inteiro (será que eles não mastigam?).
  • Ratos, lesmas e morcegos sempre atacam em bando, imaginem se os chefes fizessem isso!
  • Sempre é possível vencer um inimigo 400 vezes maior.

OS LUGARES

  • Sempre existe um continente ou ilha flutuante que é destruído.
  • Prédios sempre parecem menores pelo lado de fora.
  • A maioria das casas sempre está aberta e ninguém liga se um estranho entra, revira as gavetas e leva os itens.
  • Apesar de matar um gigante com um peteleco, você jamais consegue arrombar uma porta trancada.
  • Botecos são as melhores fontes de informação do mundo.
  • A maioria das cavernas conta com iluminação.

AS LOJAS

  • Os trocos que os monstros deixam cair quando mortos são a moeda corrente de todo o mundo.
  • Falando em trocos, sua carteira deve ser mágica, pois pode levar uma quantiailimitada de dinheiro e nunca desgruda de seu corpo, mesmo depois de levar um chute na bunda de um gigante.
  • Não se pode roubar nas lojas.
  • Pelas coisas que são vendidas, existem TRÊS tipos de vendedor:
  • – O muito rico, que paga por qualquer coisa.
  • – O muito burro, que paga pelo lixo que você pega.
  • – O muito esperto, que compra seu lixo e tem lucro vendendo-o.

AS MAGIAS E OS ITENS

  • Poções, comida e armas de metal nunca estragam, mesmo se estiveram jogadas num castelo sujo e úmido por mais de 500 anos.
  • A comida é sempre a mesma, não importa se é do palácio ou se foi pega dochão.
  • Uma magia de gelo pode congelar, mas a de fogo nunca reduz alguém a cinzas.
  • Pode-se tomar uma overdose de poções estranhas, sem nenhum tipo de efeito colateral.
  • Monstros podem usar magias, mas não sabem falar… Belo truque, não??
“Mesmo assim, não fazem mais RPGs como antigamente…”

 

Fonte: SobControllers

 

 

Uma resposta to “Os Cliches do RPG”

  1. hauahuahauhauhau
    quem nunca parou pra pensar em uma dessas coisas durante um jogo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: